animação

“Eldorado” no Festival de Artes da Unicamp

 

“Eldorado”, solo de Eduardo Okamoto com direção de Marcelo Lazzaratto e dramaturgia de Santiago Serrano participa do Festival de Artes da Unicamp em setembro.

 

Acompanhado por uma “Menina”, um cego busca encontrar o que nenhum homem pôde jamais: Eldorado. Toda estória se resume nisto: era uma vez um homem que procura. Nos tempos e lugares da viagem, haja espaço para humanidades – travessia. “Eldorado” fala destes territórios de viagem. Ali, onde o viajante é atravessado enquanto atravessa geografias. Ali, onde todo homem é único e igual a todos os demais.           

 

Por sua atuação em “Eldorado”, Eduardo Okamoto foi indicado ao Prêmio Shell de Melhor Ator 2009.

 

Ficha Técnica

Concepção, pesquisa e atuação: Eduardo Okamoto

Dramaturgia: Santiago Serrano

Direção e Iluminação: Marcelo Lazzaratto

Preparação em rabeca e Trilha Sonora Original: Luiz Henrique Fiaminghi

Figurino: Verônica Fabrini

Fotografia: Fernando Stankuns e Adalberto Lima

Projeto gráfico: Alexandre Caetano

Orientação: Suzi Frankl Sperber

Assistente de Produção: Mariella Siqueira

Produção: Daniele Sampaio

Duração: 60 min

Gênero: Drama

Classificação Etária: 12 anos

 

Serviço

Eldorado :: Solo de Eduardo Okamoto

FEIA – Festival de Artes da Unicamp

Onde: Sala 03 do Departamento de Artes Cênicas da Unicamp. Rua Pitágoras, 500.

Quando: 23 de setembro de 2015

Horário: 20h

Ingressos: Serão distribuídos 1h antes do espetáculo, entrada gratuita.

Mais informações acesse aqui.

 

10408999_896515703692379_8313847162959243233_n

 

“Agora e na Hora de Nossa Hora” no Feia

 

 

Eduardo Okamoto participa do Festival do Instituto de Artes da UNICAMP – FEIA, apresentando monólogo sobre meninos de rua.

 

eduardo-okamoto-19
Eduardo Okamoto em cena de “Agora e na Hora de Nossa Hora”

 

O FEIA celebra, em 2012, a sua 13a. edição – sendo, portanto, realizado desde o ano 2000. Como festival universitário, é organizado exclusivamente por alunos do Instituto de Artes da UNICAMP – IA. Por um lado, o evento objetiva a partilha e divulgação de trabalhos artísticos produzidos no IA e na Universidade como um todo. Por outro, apresenta aos próprios estudantes de artes outros trabalhos, referências em suas áreas. Na programação, podem ser vistos espetáculos, exposições, projeções de filmes, oficinas, palestras, workshops, etc.

 

No festival deste ano, Eduardo Okamoto foi convidado a apresentar “Agora e na Hora de Nossa Hora”. A sessão acontece no dia 24 de setembro, às 20h. A entrada é gratuita. O espetáculo trata da vida de meninos de rua e da Chacina da Candelária – quando, em 1993, no Rio de Janeiro, oito meninos de rua foram assassinados por policiais. O trabalho envolveu interações do ator com meninos de rua de Campinas (onde ministrou oficinas de circo), São Paulo e Rio de Janeiro. O trabalho foi agraciado com bolsa Fapesp e permitiu a Okamoto o desenvolvimento de seu paralelo teórico, no curso de Mestrado em Artes da UNICAMP: “O Ator- montador” (2004). Para conhecer mais sobre o trabalho, clique aqui. Para fazer o download gratuito do trabalho de mestrado de Eduardo Okamoto, clique aqui.               

 

A apresentação de “Agora e na Hora de Nossa Hora”, neste festival é repleta de significados. Primeiro porque Okamoto estudou na UNICAMP (Graduação, Mestrado e Doutorado em Artes). Depois, porque o trabalho é dirigido por Verônica Fabrini, professora do IA, no Departamento de Artes Cênicas – ela igualmente graduou-se e realizou trabalhos de Mestrado em Artes no Instituto. Finalmente, porque a apresentação coincide com o início das atividades de Eduardo Okamoto como docente na UNICAMP. Aprovado em concurso público no final de abril de 2012, prevê-se que, a partir de setembro deste ano, já esteja lecionando no curso de graduação em Artes Cênicas.

 

 

Serviço: 
“Agora e na Hora de Nossa Hora”  no FEIA
Quando:  24/09, às 20h
Onde: Departamento de Artes Cênicas da UNICAMP, sala 03
Endereço: Rua Pitágoras, 500, na Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP 
Entrada gratuita
Informações: http://feia.art.br/