animação

Os governos e os bancos

Joaquim Levy, que coordenou a elaboração do programa econômico da campanha de Aécio Neves e foi Ministro da Fazenda de Dilma, agora, é parte do governo Bolsonaro como Presidente do BNDES.

Henrique Meirelles esteve no governo Lula como Presidente do Banco Central e era o preferido do líder petista para a ocupar a Fazenda no segundo mandato de Dilma – cargo que ocupou no governo Temer. Agora, é apontado como possível “Secretário dos sonhos” de Dória.

Enquanto os brasileiros se matam nas ruas (e isto não é uma metáfora), debatendo, com frequência, temas de fundo moral, o mercado e a sua tradicional amoralidade escolhem aqueles que nos governam.

Isto ajuda a explicar como, em tempos de profunda crise econômica, com o desemprego e os seus fantasmas batendo à porta do trabalhador, os bancos contabilizam sucessivos, inesgotáveis, recordes de lucro. A eficiência é enorme!

Envie um comentario